sábado, 21 de janeiro de 2012

De Frente com Gabi recebe o ex-jogador e comentarista Neto

No "De Frente Com Gabi" deste domingo, 22 de janeiro, Marília Gabriela entrevista Neto, o eterno "xodó" da torcida Corinthiana. Aos 45 anos, José Ferreira Neto é paulista de Santo Antônio da Posse e marcou a história do Corinthians após sua breve passagem pelo time com 184 gols marcados. Ele ficará frente a frente com Gabi para falar de sua história, suas polêmicas dentro e fora de campo, sua carreira como atleta e comentarista e suas opiniões sobre o atual futebol brasileiro e mundial.

Confira abaixo as melhores frases da entrevista:
  • Muitos dirigentes e treinadores são homossexuais e usam do poder para ter acesso aos meninos (jogadores).
  • Eu acho que ele deveria ter ido para o Barcelona o mais rápido possível, para benefício dele e do nosso futebol. (Sobre Neymar)
  • Acho que ele (Mano Menezes) não chega até a Copa de 2014 como treinador.
  • Os jogadores do Santos tiveram medo de encarar o Barcelona.
  • É uma coisa que eu quero e eu vou buscar isso, porque eu tenho competência (sobre a presidência do Corinthians).
  • Meu português não é muito certo. Fui fazer aulas de português.
  • Eu gostaria de falar da Dilma, do Kassab, do atual presidente da CBF, mas eu não posso. Se eu falar tudo que eu penso, não vou poder trabalhar em televisão.
  • Os outros comentaristas dizem que do jeito que eu sou, eu nunca vou trabalhar na Globo, mas dane-se.
  • Eu nasci gordo. Sempre fui "coxudo" e "bundudo".
  • Adriano é um cara que precisa de ajuda. Ele só tem gente "chupim" perto dele.
  • A minha paixão sempre foi o Corinthians, mas devo muito ao Guarani.
  • Não quero ser só comentarista até os 60 anos de idade. Acho pouco.
  • Não consigo compreender tudo que conquistei.
  • Futebol é um lugar de muita gente desonesta. Tenho poucos amigos lá.

0 comentários:

Postar um comentário