quarta-feira, 10 de abril de 2013

Halle Berry diz que filmaria no Brasil: “Se você tiver um roteiro me entregue agora!”


Portal PS participou da coletiva de imprensa com a atriz norte-americana Halle Berry, que está no Brasil para divulgar o novo filme “Chamada de Emergência” onde ela interpreta uma operadora do serviço 911, o número de emergência da Polícia nos Estados Unidos.
Durante a coletiva ela contou detalhes sobre a produção, que custou 13 milhões de dólares e já faturou mais de 45 milhões pelo mundo a fora. “É o tipo de filme que eu gosto de fazer. Suspense sempre foi algo que me atraiu muito, desde a infância quando via a Jodie Foster [de "O Silêncio dos Inocentes] fazendo”, contou. “Eu passei muito tempo com as operadoras do 911 e aquele set do filme é uma réplica de um call center. Fiquei com as operadoras, tomando notas, ouvindo gravações, coisas horrorosas. Sabe que 80% das pessoas que entram para o curso para trabalhar nisso acabam não se formando? E dos que passam, 30% acabam pedindo demissão no primeiro mês, é muita pressão”, explicou.
Halle está grávida de três meses e disse que isso não é motivo para deixar de trabalhar. “Um outro bebê a caminho e a mamãe aqui não vai poder mesmo parar de trabalhar. Com a minha primeira filha, eu fiquei parada por um tempo. Mas foi minha primeira vez. Agora acho que vou ter a criança e continuar andando. Acho que isso não vai me afetar como artista”, disse.
No Rio de Janeiro desde esta madrugada, Halle ainda não teve tempo de conhecer o que a Cidade Maravilhosa tem, mas contou o que queria ver. “Eu nunca estive no Brasil. É a minha primeira vez aqui. Amei o clima da cidade. Cheguei de noite e quando acordei amei a vista. Quero ver o Cristo Redentor, ir a bons restaurantes e aproveitar o máximo que puder. Mas esse tipo de trabalho toma muito nosso tempo. E não sei se vou conseguir fazer isso”, lamentou.
Ao ser questionada pelo Portal PS sobre rodar um filme por aqui, ela não pensou duas vezes. “Se você tem um roteiro brasileiro pra mim, por favor me entregue agora. Eu faço num piscar de olhos. O meu agente está sentado aqui na frente”, brincou. “Mas vou ter que falar em português? Acho que meu português não é tão bom assim! (risos) Acho que é isso que eu amo em minha profissão, viajar o mundo, conhecer pessoas”, completou no maior momento de descontração da coletiva.
O filme “Chamada de Emergência” entra em cartaz em 145 salas pelo país, nesta sexta-feira (12)
Portal PS.

0 comentários:

Postar um comentário